Poesias

FELICIDADE

Fica intimado
que toda pessoa,
caminhante,
há de bater às portas,
acordar os viventes
das casas e dizer
quem é, revelar
que l√° mora
a felicidade
e esperançar
e estremunhar-se
nos c√īmodos da alma,
no desv√£o das coisas
no sótão das palavras,
e rejubilar-se
com a alegria
dos bons pressentimentos.


14/02/2012

 

 

Site da Rede Artistas Gaúchos desenvolvido por wwsites