Poesias

O QUE PODES FAZER?

O que podes fazer
por toda a vida
senão enganar a despedida
depois de teres nascido?

E a duração do adeus
adiando o encontro
agora que o tempo se esgota
escondendo o abraço
de outra vida pressentida
que passa por ti, perdida,
entrando e saindo
como almas ao avesso
por tantos desencontros?


18/05/2010

 

 

Site da Rede Artistas Gaúchos desenvolvido por wwsites